O Plano Nacional de Formação Financeira associou-se, uma vez mais, às comemorações da Global Money Week, uma iniciativa internacional dinamizada pela Child and Youth Finance International que tem por objetivo sensibilizar os mais jovens para a importância das questões financeiras.

As atividades com as escolas tiveram início a 27 de março. Nesta data, a ASF, o Banco de Portugal e a CMVM, organizaram um conjunto de sessões de formação financeira para cinco turmas do ensino secundário do Colégio Sagrado Coração de Maria em Lisboa, que envolveram um total de 104 alunos e abordaram temas do Referencial de Educação Financeira.

Durante a semana que assinalou a Global Money Week, os supervisores financeiros realizaram, ainda, um conjunto de outras atividades.

No dia 29 de março, a ASF convidou 200 alunos da Escola Profissional Vértice a visitarem a exposição “Risco - Uma exposição para audazes”, que permitiu conhecer os diferentes tipos de risco, abordando ainda o conceito e função do seguro enquanto instrumento de mitigação e transferência de risco.

Veja o descritivo das atividades aqui.

Também a 29 de março, o Banco de Portugal realizou diversas atividades no Museu do Dinheiro em Lisboa, com uma escola de São Pedro do Sul e duas escolas de Leiria e Faro, que receberam menções honrosas na 5.ª edição do Concurso Todos Contam. Nestas atividades participaram 84 alunos de diversas idades.

O Banco de Portugal participou, ainda, na Round table discussion on digital finance and consumer protection implications for the youth, que teve lugar no dia 30 de março, em Amesterdão, e na sessão especial organizada pela CYFI com representantes de vários países, que contou com a presença e alto patrocínio da Rainha Máxima da Holanda.

Veja o descritivo das atividades aqui.

Por sua vez a CMVM em parceria com a Euronext recebeu os alunos do Agrupamento D. Dinis de Odivelas, do Centro Educativo dos Olivais (ambos menções honrosas da 5 ª edição do Concurso Todos Contam) e da Escola Secundária de S. Pedro do Sul para uma sessão lúdico-educativa e jogos em que foram abordados temas como a poupança, o mercado de capitais, o perfil do investidor os instrumentos financeiros e o papel da CMVM. A seguir os alunos tocaram o sino marcando o fecho dos mercados, um momento tradicional das celebrações da GMW.

Veja o descritivo das atividades aqui.


Um total de 20 escolas portuguesas participou na Global Money Week através da promoção de sessões formativas e outras atividades como a dinamização de jogos e sessões de formação. Conheça aqui as atividades desenvolvidas pelas escolas e parceiros do Plano.